E o Bloco da Saudade revive os melhores carnavais…

20 de novembro de 2009

Bloco da Saudade e seu belíssmo flabelo

Surgido em 1974, o Bloco da Saudade é um destaque para os blocos do gênero lírico. Serviu como um resgate para muitos blocos e para o estilo carnavalesco, já que na época em que ele nasceu, muitos blocos surgidos na década de 20 estavam em decadência, e muitos outros já estavam extintos.

Tendo como fundador o compositor Edgard Moraes, o bloco praticamente surgiu pela música de seu criador, Valores do Passado, com uma intensa evocação aos blocos que já estavam virando pó. Criar uma agremiação que resgatasse a saudade e os valores dos carnavais de outrora era o sonho de Edgard. Sonho esse que ele não pôde ver se concretizar. O compositor faleceu pouco tempo depois que o bloco surgiu.

Hoje quem está à frente do bloco é Izabel Bezerra. A agremiação, além de ser referência para outras, é a primeira a ser lembrada pelos foliões no carnaval. Esse ano o bloco foi considerado patrimônio cultural e imaterial do estado. “Isso é bom, porque estamos divulgando também o nome do nosso criador, Edgard Moraes. Isso é um incentivo para fazermos melhor, e para que todos façam parte do bloco também”, comenta Izabel.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s